Usamos cookies para fornecer os recursos e serviços oferecidos em nosso site para melhorar sua experiência. Ao continuar navegando neste site, você concorda com o uso destes cookies. Leia nossa Política de Privacidade para saber mais.

Qual a importância da tecnologia nos laboratórios de análises clínicas?

Qual a importância da tecnologia nos laboratórios de análises clínicas?

A tecnologia nos laboratórios de análises clínicas e a automação laboratorial transformou o mercado nos últimos anos.

Desde seu início, a tecnologia percorreu laboratórios de análises clínicas em todo o mundo, permitindo que os laboratórios realizassem mais testes e uma maior variedade de testes, com menos equipe e menor custo.

Também mudou a forma como os laboratórios funcionam, especialmente no espaço clínico. Criou um conflito sobre como os laboratórios se reconhecem, quais testes são oferecidos e como a equipe é distribuída, criando desafios, mesmo quando os laboratórios têm conseguido economizar dinheiro e melhorar o serviço com essa tecnologia.

Neste artigo, discutimos os benefícios da tecnologia nos laboratórios de análises clínicas e como eles podem moldar o funcionamento dos laboratórios.

Quer saber mais sobre a importância da tecnologia nos laboratórios de análises clínicas? Então confira o conteúdo sobre o tema!

Por que a tecnologia nos laboratórios de análises clínicas é essencial?

Por que a tecnologia nos laboratórios de análises clínicas é essencial?

O ritmo da inovação no setor de análises clínicas está acelerado, mas os laboratórios estão prontos para acompanhar a rápida transformação? Talvez não!

A necessidade da hora é capacitar digitalmente os laboratórios e usar pesquisas de ponta para torná-los potências conectadas, capazes de inovar em grande escala.

Por isso, confira a seguir alguns dos principais motivos para investir em tecnologia nos laboratórios de análises clínicas:

Redução dos custos laboratoriais

A automação laboratorial foi ampliada para vários fornecedores para aumentar a capacidade de realizar uma grande quantidade de testes com um pequeno conjunto de tecnologias.

Integrado com sistemas de classificação, uma grande seleção de testes pode ser realizada por um número limitado de pessoas, eliminando grandes quantidades de trabalho manual.

Além disso, algo que não se menciona é que a flexibilidade das tecnologias permite que os testes sejam realizados em um espaço limitado, reduzindo custos com utilidades e custos com equipamentos, fazendo com que os gastos sejam amortizados em um número maior de testes.

Mais agilidade nas entregas de resultados

Eliminar a necessidade de humanos manusearem as amostras significa que as amostras podem ser preparadas para testes com muito mais rapidez.

Isso significa que os testes bioquímicos podem ser realizados mais rapidamente, e tecnologias de diagnóstico molecular, cromatografia líquida e até cultura microbiana e de tecidos podem ser realizadas sem a necessidade de intervenção.

Portanto, os testes podem ser realizados mais rapidamente do que manualmente, permitindo tempos de resposta mais rápidos para os resultados dos testes.

Facilidade de interação com diferentes sistemas

Os sistemas de informação laboratorial têm sido usados ​​para rastrear os resultados e seguir as tendências dos pacientes.

O que a automação de laboratório pode fazer é permitir pedidos de testes mais sofisticados para sugerir testes que podem ser apropriados com base nos resultados.

Integrado com sistemas de informação de saúde, essas informações podem ajudar nas decisões de tratamento ou orientar para tratamentos mais eficazes com base em como os tratamentos anteriores resultaram em resultados de laboratório com prognósticos específicos.

Atendimento conforme as necessidades do laboratório

Muitas tecnologias para laboratórios de análises clínicas são personalizáveis ​​para atender às necessidades de um determinado laboratório.

O número e os tipos de módulos disponíveis significam que diferentes tecnologias de teste podem ser adicionadas ou removidas conforme for preciso.

Isso dá aos laboratórios a oportunidade de evoluir com a tecnologia, fazendo com que os serviços oferecidos sejam mais relevantes para os pacientes. Isso também limita o risco de obsolescência, justificando o custo de capital geral.

Mais tempo para se dedicar a tarefas importantes

A redução do trabalho manual significa que os profissionais de laboratório têm mais tempo livre para se comunicar com seus colegas da área de saúde sobre como funcionam os testes de laboratório.

Eles podem orientá-los para testes que os ajudarão a responder perguntas clínicas de forma eficaz e evitar testes que podem ser desnecessários.

Eles também podem ajudar a explicar a técnica por trás dos testes para melhor auxiliar os profissionais de saúde quanto ao que está acontecendo com o paciente à sua frente, permitindo-lhes fazer ajustes no tratamento conforme apropriado.

Laboratórios do futuro são uma necessidade inevitável

A transformação tecnológica do laboratório é inevitável se imaginarmos a criação de uma rede de diagnóstico digital, possibilitando o mundo conectado e fortalecendo a saúde global por meio de inovações impactantes.

À medida que a tecnologia continua a revolucionar a forma como vivemos e trabalhamos, há uma necessidade crescente de fornecer uma abordagem digital moderna e voltada para a qualidade para operações de laboratório que ofereçam aos consumidores conveniência sem precedentes, inovações impactantes e confiabilidade.

O futuro está nos diagnósticos que permitem realizar testes e fornecer resultados instantaneamente. O objetivo é possibilitar uma nova geração de medicamentos em que as operações possam se estender e o contínuo diagnóstico possa capacitar uma visão de saúde verdadeiramente conectada, acessível e onipresente.

Devemos considerar sistemas harmonizados de última geração para diagnósticos clínicos que facilite a capacidade de testes para imunoensaio, sorologia, química clínica, ponto de atendimento, microbiologia clínica, microscopia clínica, hematologia, citopatologia, transfusão e diagnóstico molecular.

Uma série de avanços está prestes a mudar o paradigma de teste do setor por meio de velocidade, qualidade, eficiência e escalabilidade para ajudar a orientar o atendimento aos pacientes.

O sistema de saúde está reconhecendo, cada vez mais, o valor agregado que os laboratórios podem desempenhar em se tornarem mais que um mecanismo de decisão clínica, ajudando os pacientes a realizarem testes e os médicos a interpretarem os resultados, diagnosticar e monitorar os pacientes com precisão e rapidez.

O caminho para a transformação da tecnologia nos laboratórios de análises clínicas deve incluir estratégias para entregar testes rápidos e de qualidade, bem como, reduzir os atuais testes desnecessários e não contributivos.

Esses avanços nos permitirão construir estratégias de prevenção de doenças e diagnóstico precoce. O objetivo é avançar na otimização da saúde da população de forma sustentável e econômica.

Gostou de saber mais sobre a importância da tecnologia nos laboratórios de análises clínicas? Então não deixe de conferir o conteúdo sobre como proteger a privacidade do paciente em laboratórios!

Gostou do texto? Não gostou? Comente abaixo!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Categorias: