Como serão os laboratórios de análises clínicas após a pandemia do novo coronavírus?

Como serão os laboratórios de análises clínicas após a pandemia do novo coronavírus?

A crise mundial sem precedentes, causada pela pandemia do novo coronavírus, carrega inúmeras incertezas sobre as suas diversas consequências políticas, econômicas e sociais.

Apesar do esforço coletivo e dos avanços de especialistas oriundos das mais diversas áreas, ainda não existem respostas para a maioria das perguntas. 

Enquanto isso, com o objetivo de controlar a pandemia e achatar a curva de contaminação pela covid-19, mais da metade da humanidade se encontra em regime de isolamento social.

Dado este cenário, atualmente o setor laboratorial registra uma queda de atendimentos superior a 70% e, com as unidades fechadas, o aumento do serviço domiciliar já pode ser observado como um dos principais efeitos.

Mas, certamente, em meio a tantas incertezas, você deve estar se perguntando sobre o que acontecerá em seguida e como se preparar para lidar com as adversidades futuras.

Quer entender um pouco mais sobre como serão os laboratórios de análises clínicas após a pandemia do novo coronavírus? Confira o conteúdo que preparamos para você!

O que é a pandemia do novo coronavírus?

O que é a pandemia do novo coronavírus?

Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), uma pandemia é a disseminação em proporção mundial de uma doença. Ou seja, quando uma epidemia – surto que afeta uma localidade específica – se espalha por diferentes continentes e possui como característica a transmissão entre as pessoas.

Estamos vivendo uma pandemia causada pelo novo coronavírus já que, atualmente, a covid-19 afeta declaradamente mais de 120 países. 

A covid-19 é uma doença infecciosa provocada pelo novo coronavírus (SARS-CoV-2) e os primeiros casos de contaminação foram notificados em Wuhan, na China, no final de 2019. 

Devido a globalização e a, aparentemente, alta transmissibilidade, a doença se espalhou pelo mundo em uma escala de tempo muito curta.

Apesar dos inúmeros estudos científicos sobre o novo coronavírus, pouco sabemos sobre os detalhes da doença e ainda não existe um tratamento específico, medicamentos ou vacinas disponíveis para o combate. 

A infecção pelo novo coronavírus pode causar diversos tipos de sintomas respiratórios, desde os mais leves como a tosse, até sintomas mais graves, como a pneumonia e a síndrome respiratória aguda grave (SARS). Entre os inúmeros sintomas, os mais comuns são:

  • Febre;
  • Diarréia;
  • Tosse seca;
  • Dor de garganta;
  • Perda do paladar e do olfato;
  • Dificuldade para respirar.

Ao que diz respeito ao controle e a prevenção contra a covid-19, a alternativa recomendada pela Organização Mundial de Saúde (OMS) e seguida por todos os países com registros de contaminação – conforme as diretrizes governamentais de cada um deles – é o isolamento social. Mas, além disso, diversas outras práticas vêm sendo recomendadas, confira a seguir: 

  • Evitar a proximidade e o contato com outras pessoas, em especial, caso estejam doentes ou apresentando algum sintoma;
  • Higienizar as mãos da forma correta, especialmente ao ter contato com o meio ambiente e antes de se alimentar;
  • Utilizar de forma adequada máscaras de proteção caso precise sair de casa, estando com os sintomas ou não;
  • Não compartilhar objetos de uso pessoal, como toalhas, copos ou talheres;
  • Manter os ambientes bem arejados e com circulação de ar suficiente para a troca; 
  • Evitar o contato com animais doentes ou fora do ambiente doméstico;
  • Entre outras práticas.
Quais as consequências da crise mundial causada pelo novo coronavírus?

Quais as consequências da crise mundial causada pelo novo coronavírus?

Os trágicos efeitos causados pela pandemia do novo coronavírus que impactam a vida social, econômica e política das pessoas de todo o mundo são notórios.

Certamente, sofreremos com uma enorme recessão ao longo dos próximos meses – e talvez ao longo dos próximos anos. A crise não é apenas complexa, mas abrangente. A instabilidade dita os dias de hoje, não apenas no Brasil, mas em todo o mundo.

A atividade econômica foi congelada na maior parte do mundo e prepara o cenário para uma depressão em escala global. Desta forma, assistiremos a uma intensa desaceleração da economia.

Como dissemos, ainda não é possível prever quais serão as consequências da crise mundial causada pelo novo coronavírus. Ma o fato é que o mundo está em um processo diário de aprendizagem e nós, além de acompanhar as mudanças, precisamos nos adaptar a elas.

Importância dos laboratórios de análises clínicas se adaptarem aos novos tempos

Importância dos laboratórios de análises clínicas se adaptarem aos novos tempos

Em meio a tudo o que está acontecendo atualmente, como os laboratórios de análises clínicas podem enfrentar os desafios impostos pela pandemia do novo coronavírus?

Certamente, em um primeiro momento, a demanda por exames aumentará exponencialmente para as instituições que oferecerem o teste para a covid-19. 

Mas, é preciso ter em mente que, de forma geral, a população continua adoecendo e que as pessoas com doenças crônicas, por exemplo, não deixarão de portar suas respectivas enfermidades. Desta forma, continuarão necessitando realizar exames e demandando aos laboratórios esta tarefa. 

A grande questão é assimilar como atender a este novo formato de coletas e como se adaptar a essa nova realidade de procedimentos.

A importância da adaptabilidade

A seguir vamos falar sobre como o planejamento é, mais do nunca, uma importante estratégia para lidar com as adversidades. 

Porém, ainda mais importante que o planejamento neste momento é a capacidade de nos adaptarmos. Afinal, de nada adiantará ter um robusto planejamento como diretriz se não houver a adaptabilidade de todos os envolvidos nos processos.

Vivemos tempos que exigem muita maturidade e saber se adaptar pode ser a solução para a sustentabilidade do seu laboratório de análises clínicas e até mesmo da sua carreira profissional.

O momento necessita que os profissionais sejam ágeis e capazes de se adaptarem rapidamente às mudanças. E a tendência é que o desenvolvimento e a permanência desta característica seja exigida para que o sucesso possa ser estabelecido daqui para frente.

Mapeamento das atividades laboratoriais

O único meio para tentar entender quais são os caminhos possíveis para lidar com esta crise, em especial no setor laboratorial, começa pelo mapeamento das atividades de cada setor.

A partir de um mapeamento detalhado você e a sua equipe serão capazes de analisar e criar ações para os possíveis distintos cenários – desde os mais otimistas até os mais pessimistas. 

A importância do gerenciamento de riscos 

Em um laboratório – assim como acontece com quaisquer outros tipos de negócio ou até mesmo no âmbito pessoal de nossas vidas – nem sempre é possível prever quais serão os problemas à serem enfrentados.

Se você tem experiência no setor laboratorial, certamente não se assustaria e pode até ser que já tivesse planejado sobre como você e a sua equipe lidariam com o surgimento de novos surtos virais – como foi o caso do H1N1. Mas, o fato é que por mais estruturado que um laboratório seja, nenhum deles estava prevendo algo com a dimensão causada pela pandemia do novo coronavírus.

Diante deste cenário, após mapear detalhadamente todas as atividades laboratoriais, o melhor caminho é conhecer a fundo sobre quais são os riscos que o seu negócio corre. Para isso, é preciso se dedicar ao gerenciamento de riscos e elaboração do plano de ação. Veja mais a seguir!

A importância do plano de ação 

É o momento de repensar sobre a sua instituição como um todo, independente do porte ou do tipo de laboratório de análises clínicas, não há mais espaço para o negacionismo.

Sabemos que o cenário para os laboratórios de análises clínicas com menor porte tendem a ser mais complexos. Mas, neste momento é preciso agir!

O plano de ação é uma estratégia organizada e que segue uma metodologia definida para estabelecer as metas e os objetivos, as atividades que devem ser realizadas, os responsáveis por desenvolver cada uma delas, entre outras diretrizes, para que você possa atingir os melhores resultados possíveis durante o enfrentamento desta crise.

A tecnologia como aliada

Todos os setores da sociedade estão se esforçando em busca de maneiras para superar os desafios impostos pela pandemia do novo coronavírus e inúmeras tecnologias estão sendo utilizadas ao redor do mundo com o objetivo de combater a covid-19 e mitigar os seus efeitos. 

No setor laboratorial não seria diferente, além dos processos diretamente relacionados às ações de combate – claro. O fato é que, como dissemos, não haverá mais espaço para o negacionismo em relação ao novo cenário e aos benefícios que só a tecnologia associada a boa operação é capaz de propiciar. 

Apenas por meio de eficazes soluções tecnológicas o seu laboratório de análises clínicas será capaz de otimizar a gestão laboratorial. Ao adotá-las, você perceberá inúmeros benefícios relacionados ao aumento da performance, como:

  • Menor custo operacional;
  • Gestão eficiente de estoque;
  • Controle adequado de recepção;
  • Controle eficiente de orçamentos;
  • Gerenciamento eficaz de soroteca;
  • Controle eficiente de coletas e triagens;
  • Mais segurança na prestação de serviços;
  • Redução no tempo de entrega dos resultados;
  • Integração entre os diversos setores laboratoriais;
  • Segurança de dados, incluindo os dados sensíveis dos pacientes.

Como dissemos ao longo do conteúdo, o cenário em que vivemos está repleto de incertezas e a única convicção que temos hoje é que os laboratórios continuarão sendo essenciais às pessoas. Mas, para passar por essa crise e mitigar os seus prejuízos, será fundamental se adaptar aos novos formatos de atendimento e às novas demandas da população. 

Além disso, o único modo de entender qual é o melhor caminho à seguir é conhecendo a fundo o seu negócio e elaborando uma forte estratégia de gerenciamento de riscos para o seu laboratório de análises clínicas.

Gostou de saber mais sobre como serão os laboratórios de análises clínicas após a pandemia do novo coronavírus? Então não deixe de conferir o nosso webinar sobre gerenciamento de riscos e gestão de crises em laboratórios de análises clínicas!

Gostou do texto? Não gostou? Comente abaixo!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Categorias: